ESTRELA GUIA NF: REFLETINDO* AMPARE SEU IRMÃO COM A BOA PALAVRA*

tetp

slide

Venham se cadastrar!

REFLETINDO* AMPARE SEU IRMÃO COM A BOA PALAVRA*



PÁGINA 45

Tenha bom ânimo, mas seja comedido em seus empreendimentos.

Da audácia ao crime, a distância é de poucos passos. *

Atenda à afabilidade e à doçura em seu caminho. Não perca,porém, o seu tempo em conversas inúteis.

PÁGINA 4712

AJUDE SEMPRE

Diante da noite, não acuse as trevas. Aprenda a fazer lume.(luz)

*Em vão condenará você o pântano. Ajude-o a purificar-se.

*No caminho pedregoso, não atire calhaus(fraguimentos de pedras) nos outros. Transforme os calhaus (fraguimentos de pedras) em obras úteis.

*PÁGINA 48

Não amaldiçoe o vozerio alheio. Ensine alguma lição proveitosa, com o silêncio.

*Não adote a incerteza, perante as situações difíceis.Enfrente-as com a consciência limpa. Debalde censurará você o espinheiro.

Remova-o com bondade.

*Não critique o terreno sáfaro. Ao invés disso, dê-lhe adubo.

*Não pronuncie más palavras contra o deserto.

Auxilie a cavar um poço sob a areia escaldante.

Não é vantagem desaprovar onde todos desaprovaram.

Ampare o seu irmão com a boa palavra.

*É sempre fácil observar o mal e identificá-lo. Entretanto, o que o Cristo espera de nós outros é a descoberta e o cultivo do bem para que o Divino Amor seja glorificado.

PÁGINA 49

13REALMENTE A tempestade espanta. Entretanto, acentuar-nos-á a resistência, se soubermos recebê-la.

*A dor dilacera. Mas aperfeiçoar-nos-á o coração, se buscarmos aproveitá-la.

*A incompreensão dói. Contudo, oferece-nos excelente oportunidade de ompreender.

*PÁGINA 50

A luta perturba.

Todavia, será portadora de incalculáveis benefícios, se lhe aceitarmos o concurso.

*O desespero destrói. Diante dele, porém, encontramos ensejo de cultivar a serenidade.

*O ódio enegrece. No entanto, descortina bendito horizonte à revelaçãodo amor.

*A aflição esmaga. Abre-nos, todavia, as portas da ação consoladora.

*O choque assombra. Nele, contudo, encontraremos abençoada renovação.

*A prova tortura. Sem ela, entretanto, é impossível a aprendizagem.

*PÁGINA 51

O obstáculo aborrece. Temos nele, porém, legítimo produtor de elevação e capacidade.

ANDRE LUIZ
Postar um comentário