ESTRELA GUIA NF

tetp

slide

Venham se cadastrar!



Natal em nós
Quando o mês de dezembro se aproxima, as mensagens natalinas, de origem religiosa ou material, chegam até nós em grande número.
Os nossos olhos ficam repletos de imagens, sons e apelos inerentes ao natal. E essa é uma valiosa oportunidade para voltarmos os pensamentos para o dia-a-dia e percebermos que a simbologia dessa data ocorre conosco durante 365 dias, ao longo de nossa vida: nascer, renovar.
Se estivermos atentos, buscando o nosso aprimoramento espiritual, perceberemos que nascemos todos os dias para enfrentarmos as nossas dificuldades, para estendermos as mãos para o outro, para recebermos afeto e compreensão de quem já aprendeu a nos amar e para exemplificarmos o nosso aprendizado.
Como a fênix, pássaro da mitologia grega que renasce das próprias cinzas e é capaz de transportar grandes cargas, precisamos renascer a cada batalha, e trazer dentro do peito as fibras do coração fortalecidas pela compreensão e pela certeza de que o nosso espírito, embalado pelas experiências redentoras, vai a pouco e pouco se modificando e adquirindo luz própria.
Celebremos o natal, relembremos o nascimento de Jesus, e não percamos de vista o natal em nós, aquele que nos impulsiona para cima e para frente. Fazemos hoje nossas as palavras de *Carmen Cinira:

“Senhor,

...E que eu possa em Teu nome abraçar, renovada,

A redentora cruz de minha nova estrada,

Alcançando contigo a ascensão do futuro.“

Muita paz e alegria e um ano novo repleto de esperança e bom ânimo!

Trecho do poema “Súplica de Natal”, do livro Antologia Mediúnica do Natal, psicografia de Francisco Cândido Xavier.
Postar um comentário